CTB 2021: Furar sinais vermelhos pode gerar multa?

Com 7 pontos na CNH, o condutor que infringir a lei poderá levar multa.

A nova atualização do Código de Trânsito Brasileiro tem o objetivo de regulamentar e informar os condutores sobre as infrações geradas em ultrapassagens à direita da sinalização. A Mobili te conta hoje como furar sinais vermelhos podem resultar em multas. 

CTB 2021.

No dia 12 de abril deste ano, o CTB entrou em vigor através da Lei N° 14.071/20. Dentre as mudanças, a aprovação da direita livre em cruzamentos se tornou pauta para regulamentação das normas. 

Entretanto, é necessário atenção a essa nova permissão no trânsito. A manobra só será autorizada em locais devidamente sinalizados para isso. 

Furar sinais vermelhos pode gerar multa?

Em melhoria, a nova regra consistente no artigo 44 do CTB, retrata que será livre a movimentação e direcionamento à direita. Isso, em caso de sinalização vermelha do semáforo e sinalização que esteja indicando a conversão.

Assim, em caso de desobediência à lei, a infração cometida será gravíssima, gerando sete pontos na CNH e multa no valor de R $293,47. Além disso, poderá ser autuado caso coloque em risco a segurança do condutor e dos pedestres.  

Atualizações do CTB 2021.

As novas mudanças no CTB garantem aos condutores brasileiros maior fiscalização entre as ilegalidades ocorridas no trânsito. Confira algumas alterações: ⠀

Os pontos necessários para suspensão de CNH serão: 20 pontos para quem possui duas ou mais infrações gravíssimas, 30 pontos para aqueles com uma infração gravíssima e 40 se não houver nenhuma infração gravíssima.

Assim, os faróis agora também serão necessários somente em casos de rodovias fora do perímetro urbano durante a luz do dia, também sob neblina, chuva, cerração e em rodovias de pistas simples. ⠀

Dessa forma, a carteira de habilitação também obteve seu aumento de validade alterado. Agora a faixa passou de cinco para dez anos para condutores de até 50 anos e aqueles com mais de 70 passam a renovar a cada três anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *